Seu e-commerce tem problemas de entrega? Conheça os principais erros de logística

O transporte, segurança da carga, entrega, frete e o custo destes é, sem dúvidas, uma das maiores problemáticas para quem trabalha com lojas virtuais.

A parte de logística é considerada um setor estratégico muito importante dentro das empresas. No entanto, quando se trata de e-commerce esse setor se torna ainda mais importante, isso porque sem processos logísticos realmente eficientes é praticamente impossível atender os clientes em tempo hábil e se manter bem no mercado.

Por isso, hoje falaremos sobre os principais problemas logísticos nos e-commerces e como resolvê-los.

Os processos logísticos virtuais

Diferente dos processos de logística tradicionais, em um e-commerce é necessário receber, gerenciar o estoque e realizar a reposição gradualmente de todos os itens que são vendidos na loja virtual.

No entanto, quando falamos de e-commerce tudo isso deve ser feito em tempo hábil para que seja possível separar, embalar e enviar os pedidos dentro de um período de 24 horas.

Por isso, é necessário um tempo de resposta rápido na logística para não abrir margem para a concorrência.

A logística de entregas

Fazer com que a entrega seja rápida, eficiente e segura é um grande desafio que, na maioria das vezes, acaba se tornando um problema de logística no e-commerce.

Isso acontece principalmente por conta dos problemas particulares dos centros de distribuição, companhias de transporte, sem contar ainda a falta de infraestrutura de nossas estradas e rodovias. Todos esses problemas acabam, muitas vezes, comprometendo a eficiência das entregas.

Gestão de informações

O terceiro problema relacionado à logística do e-commerce e que pode afetar suas vendas é a gestão de informações. Na prática, isso significa reunir dados sobre os principais fornecedores, manter um relacionamento amigável com eles e fazer com que este relacionamento se torne estável.

O fato é que fazer tudo isso é um grande desafio, especialmente se você não conta com processos tecnológicos, pois a gestão manual pode dificultar e muito o alcance dos resultados esperados.

Alto custo de frete

Não há como deixar de mencionar também a questão do custo da entrega como mais um problema de logística no e-commerce. Esse fato se dá porque o consumidor brasileiro cada vez mais se queixa do valor dos fretes que, em muitos casos, chega a ultrapassar o próprio valor do produto.

É claro que existem fatores influenciadores para o aumento deste valor, como o valor do combustível, a falta de segurança, além da má qualidade das estradas, conforme dito anteriormente.

Falha na comunicação

A falha na comunicação entre os processos do e-commerce também pode ser um problema que atrapalha o desempenho logístico do negócio. No Brasil, especificamente, as etapas que compõem o processo logístico vão desde a preparação e o envio do pedido do consumidor, até a transferência do produto ao transportador e a realização da entrega física ao cliente.

No entanto, esse processo tende a se tornar um problema quando as informações não são passadas de um local para outro com eficiência.

Pós-venda adequado

Outro desafio para o transporte nos e-commerces é em relação à resposta rápida para os problemas e a capacidade de oferecer aos clientes um bom serviço de pós-venda. Os maiores desafios de pós-venda normalmente dizem respeito à cadeia de distribuição, ou seja, quando o produto passa por muitas mãos e diversos centros de distribuição e bases de entrega.

Dessa forma, há sempre a possibilidade (querendo ou não) de haver erros, especialmente quando não há uso de tecnologia para otimizar os processos.

Modernização dos processos

É nítido que as empresas têm direcionado seus esforços cada vez mais para o desenvolvimento de sites melhores, para a criação de campanhas de marketing, além, é claro, da divulgação da plataforma. Isso é ótimo, mas não basta para o sucesso do negócio.

É necessário desenvolver novas estruturas logísticas que sejam adequadas à demanda atual do e-commerce. Ou seja, focar também em processos que melhorem a logística, reduzam os impasses com os clientes e diminuam os problemas de logística no e-commerce.

Alta demanda de vendas

Nos períodos de mais movimento do comércio, como Natal, dia das mães, dia dos namorados, entre outras datas, a demanda das lojas, tanto físicas quanto online, aumenta.

Nesse momento, portanto, o maior problema decorrente do e-commerce aparece: a logística ineficaz. Daí os pedidos chegam, às vezes, após o prazo estipulado, com a mercadoria trocada, faltando e, em alguns casos, até danificada.

No fim, prejuízo à imagem da empresa

Com tantos problemas de logística no e-commerce, o que acontece? Muitas vezes prejuízo à imagem da empresa, pois os consumidores não têm interesse em entender de quem foi a culpa, apenas ficam insatisfeitos com o serviço prestado.

E, em alguns casos, os problemas de logística no e-commerce acabam sendo fator motivador de danos morais e/ou materiais por conta dos lucros cessantes, e multas diárias devido ao descumprimento da obrigação de fazer a coisa certa.

Como reverter, então, essa situação?

Ofereça ferramentas que permitam o rastreamento de pedidos, facilidade na hora da troca e devolução dos produtos.

Vale também considerar a possibilidade de contar com o serviço de uma empresa terceirizada e especializada para realizar o serviço de entrega, como a Restitui, por exemplo. Empresa com mais de 15 anos de experiência no mercado e que possui um serviço eficiente que agrada tanto aos parceiros quanto ao consumidor.

Lembre-se: você não precisa fazer tudo sozinho. Vale mais investir e ter um serviço de qualidade e eficiente na sua loja virtual – visando eliminar problemas de logística no e-commerce e ter mais sucesso nas vendas – do que fazer tudo de forma independente, mas sem eficiência.